SKS_AVATAREUAMOASACKS

Oi gente, tudo bem? Eu sou a Consultora Sacks, canal oficial da Sacks nas Redes Sociais e Blogosfera. Estou sempre à disposição para tirar dúvidas, dar dicas e receber sugestões e reclamações em meus perfis no Orkut, Twitter, Facebook.

Agora eu tenho meu próprio site! É muito legal gente, vale a pena vocês darem uma conferida! Lá vocês vão encontrar vídeos das campanhas dos perfumes de várias marcas, alguns making offs também e podem acompanhar meu dia a dia através do Twitter e minhas dicas de maquiagem com várias fotos e passo a passo no Flickr. Vocês também ficam por dentro dos últimos posts do meu blog, com várias dicas de perfumes, cosméticos e maquiagens! Não deixem de dar uma olhada! E se vocês se cadastrarem lá, vão receber minhas dicas e ainda concorrer a vários brindes! Fiquem a vontade para entrar e aproveitar as dicas! http://www.consultorasacks.com.br/

Queima de estoques

março 4, 2009

Metabolismo lento e má digestão são sintomas que ameaçam o resultado de qualquer dieta. O Citrus aurantium, ou Advantra Z, obtido da laranja amarga, pode agitar o ritmo do seu organismo. “Estudos clínicos mostraram que componentes da fruta aceleram o metabolismo, promovendo uma maior queima de calorias e, conseqüentemente, dos estoques de gordura”, explica Marcia Kelman. Quem faz exercício pode se beneficiar em dobro: além da queima de gordura gerar mais energia, o Citrus estimula a liberação de adrenalina. Com todo esse pique, você melhora a performance e ganha mais massa magra, claro, desde que seu treino inclua sessões de musculação. “Apesar de ter uma ação próxima à da efedrina (Ephedra sinica, também conhecida como Ma Huang) – proibida por acelerar os batimentos cardíacos e a pressão arterial, aumentando o risco de insônia, nervosismo, infarto e derrame –, o Citrus é mais seguro. Ele se liga a receptores encontrados no tecido gorduroso, ativando o metabolismo e a queima de gordura sem interferir no sistema cardiovascular”, garante a médica. Outra explicação para a substância ajudar a definir a musculatura, é deixar os aminoácidos mais acessíveis para a formação da proteína — indispensável para a construção e manutenção dos músculos. “O Citrus aurantium também tem propriedade digestiva, melhorando a absorção dos nutrientes e protegendo o estômago”, afirma Carlos Muniz.
Para ajudar use Gel Redutor.

Dior Makeup

fevereiro 17, 2009

Pra voces que A-DO-RAM os produtos da Dior, tenho uma ótima surpresa…

Amanhã , dia 18 de fevereiro, um maquiador da propria marca estará na Daslu maquiando clientes e dando altas dicas de produções.

Você vai aprender como usar o Diorliner Eyeliner Tracé Précis ou a mascara de cilios Diorshow Iconic Mascara Courbes Haute Précision Déploiement Spectaculaire.

Não perca essa oportunidade.

Ah…é preciso agendar.

Beijos

Lição 1 – Fique atenta ao consumo de calorias
É só por meio de um déficit calórico que o organismo vai usar as gorduras armazenadas no corpo (geralmente na nossa cintura) para produzir a energia fundamental às necessidades calóricas do dia – para manter o peso, uma mulher adulta precisa de cerca de 2.000 calorias diárias e se consumir menos do que esse total vai conseguir emagrecer.

“Para que ocorra um processo de emagrecimento saudável é importante também ter muita atenção à porção de alimentos ingeridos, que devem ser adequados individualmente para suprir às necessidades nutricionais e não somente calóricas. Na prática, isso significa que é preciso variar os produtos e montar refeições bem coloridas”, explica a nutricionista Roseli Rossi (SP).

Lição 2 – Aumente o número de refeições
Ao comer entre cinco e seis vezes por dia, o metabolismo fica acelerado e, conseqüentemente, acontecerá queima calórica diária. “Estima-se que dessa forma pode-se aumentar em até 10% o gasto energético total de uma pessoa. Já ao contrário, quando ocorre um jejum prolongado, o organismo tem maior facilidade de acumular gorduras como defesa, a fim de utilizá-las como forma de energia quando for necessário”, alerta Roseli, que completa: “Também não podemos esquecer que em momentos de jejum prolongado o risco de se exceder na quantidade de alimentos na refeição seguinte é muito maior”.

Lição 3 – Fuja das gorduras
Isso não significa apenas ficar longe das frituras, mas também de produtos formulados com essa danadinha. É o caso da manteiga, pães folhados (tipo croissant), congelados, enlatados e embutidos. “É bom ficar atenta especialmente às do tipo saturada e as trans, que são altamente oxidativas e inflamatórias, responsáveis pelo aumento do colesterol ruim e acúmulo de plaquetas nas artérias, elevando os riscos de desenvolver doenças cardiovasculares. Além disso, sabe-se que a densidade calóricas das gorduras é bastante superior a de outros macronutrientes, pois ela possui 9 calorias por grama ao passo que o carboidrato e a proteína têm apenas 4 calorias por grama”, calcula Paula.

No entanto, gorduras ‘boas’, ou seja, as insaturadas, monoinsaturadas e poliinsaturadas, devem ser incluídas no cardápio diário porque elas ajudam a reduzir o colesterol ruim e auxiliam na saúde do coração.

Lição 4 – Consuma frutas
Essas delícias são riquíssimas em nutrientes, como vitaminas, minerais e substâncias bioativas, que trazem inúmeros benefícios ao organismo. Porém desde que consumidas de maneira e em quantidade adequadas e fracionadas ao longo do dia – não vale comer uma porção enorme de salada de frutas ou uma vitamina caprichada de uma vez e depois não ingerir nada ou, pior, consumir uma fruta hoje e outra na semana que vem. “Dessa forma até mesmo frutas consideradas bastante calóricas, como abacate, pode ser ingerido, desde que com moderação”, afirma Paula.

Outra grande vantagem de consumir frutas é que elas são ótimas alternativas para a fominha fora de hora e, principalmente, servem como substitutas para o chocolate e outras sobremesas industrializadas, cheias de açúcar e gordura. Sem contar que elas podem ser incrementadas com adoçante próprio para ir ao fogo, canela, cravo ou anis estrelado e colocadas no forno ou acompanhadas com uma calda light para aplacar a gula de doce.

Lição 5 – Faça da salada sua melhor amiga
Além de contribuir para a hidratação do corpo, por possuir uma grande quantidade de água, as saladas ainda ajudam na qualidade da digestão. Mas não pense que trocar uma refeição equilibrada, com uma porção adequada de carboidratos, por um prato lotado de alface e um grelhado é saudável. Quando isso acontece, a tendência de uma compensação na próxima refeição aumenta.

Tire um dia para se purificar
Para limpar seu sistema digestivo e eliminar as toxinas, faça uma purificação com sucos vegetais, tome meio litro antes de cada refeição. Alguns dos vegetais mais indicados são: aipo, maçã e espinafre. Outra opção para sua jornada da purificação consiste ingerir somente frutas, hortaliças ou verduras da estação.

Reforce sua reserva de metal
Além de prevenir a anemia, as verduras, hortaliças e alimentos ricos em ferro devem estar presentes em sua mesa porque a carência deste mineral favorece o surgimento de celulites. Consulte seu médico sobre a possibilidade de tomar um suplemento alimentar.

Consuma pouco sal
Reduza o consumo de sódio, que não está presente apenas no sal de mesa, ele também é encontrado em produtos embutidos e pré-cozidos. Em vez de sal refinado, que favorece a retenção de líquidos, use o sal grosso, que contém dezenas de minerais e proporciona mais sabor em menor quantidade. Prefira usar temperos vegetais para dar sabor aos alimentos.

Invista nos chás
A sálvia e o chá verde são plantas medicinais eficazes para eliminar os líquidos e as toxinas. Outras ervas medicinais que ajudam a eliminar a celulite são a menta e o espinho branco.

Controle o peso
Ainda que uma dieta com baixas calorias ajude a combater a celulite, este problema também atinge as mulheres magras. Tanto as dietas ricas em gorduras, que contribuem para a obesidade, como os regimes com muitas restrições, aceleram o surgimento de celulites.

Hidrate-se em abundância
Tome ao menos dois litros de líquidos por dia: deles, oito copos de água, entre comidas, sucos, sopas, bebidas light, exceto álcool. A hidratação facilita o trabalho dos rins, a purificação orgânica, a circulação, a eliminação de líquidos, e ajuda, ainda, na digestão dos alimentos.

Opte pelo natural
Os alimentos fritos, enlatados, processados ou refinados, com aditivos, conservantes, corantes ou substâncias artificiais, além de dificultar a digestão e conter alta quantidade de açúcares e gorduras, aumentam o acumulo de toxinas. Os alimentos crus, cozidos ao vapor, biológicos e integrais, se digerem e se assimilam melhor, possuem mais nutrientes e menos compostos tóxicos.

Consuma mais fibras para agilizar ao trabalho do intestino
As comidas ricas em fibras vegetais são mais úmidas, o que facilita sua movimentação no intestino e conseqüentemente, sua eliminação. As frutas, verduras, legumes e cereais são as melhores fontes naturais deste composto que também pode ser encontrado em suplementos.

Consuma potássio
Este mineral, que trabalha em conjunto com o sódio para regular a quantidade de água presente no organismo e o delicado mecanismo que determina sua distribuição, é um dos suplementos mais prescritos pelos médicos. Sua ausência no organismo, além de promover a acne e a pele seca, altera o equilíbrio hídrico. Você o encontra nas frutas, hortaliças cruas, bananas e berinjelas.

Escolha as formas de cozimento mais saudáveis
Para as carnes e pescados, use a grelha, ferva ou cozinhe ao forno. As verduras, sempre que possível, coma-as cruas. Os ovos devem ser passados por água ou em omeletes, evite fritá-los.

Você se preocupa com a quantidade de gorduras que consome diariamente?
Se você se preocupa com a sua saúde, bem estar e com os ponteiros da balança, acredite que você deveria se preocupar com este nutriente.

Atualmente, os principais estudos sobre alimentação e saúde relacionam o consumo aumentado de gorduras a doenças como obesidade, diabetes, doenças cardiovascular e, até mesmo, alguns tipos de câncer.

Saiba que o conteúdo de gorduras nos alimentos pode variar de 100%, como encontramos na maioria dos óleos de cozinha, a quantidade muito pequena, como encontrado na maioria das frutas e hortaliças.

Alguns alimentos possuem grandes quantidades de gordura e são facilmente visíveis como, por exemplo, manteiga, margarina, banha, maionese, óleo e a gordura visível na carne. Entretanto, outros alimentos não têm sua gordura tão visível, mas, mesmo assim, apresentam quantidades elevadas deste nutriente, como é o caso do leite integral, queijos, castanhas, biscoitos e outros.

Entre alguns alimentos, a quantidade de gordura pode variar bastante. Um bom exemplo destas variações são as carnes, de um modo geral. Desta forma, a carne vermelha apresenta um teor elevado de gordura diferentemente das aves e peixes.

Além disso, o tipo de gordura também se difere em diferentes alimentos como, por exemplo, na maior parte dos alimentos de origem vegetal, mesmo tendo pouca quantidade de gordura, sua qualidade é melhor do que as de produtos animais.

A escolha e a preparação cuidadosa de alguns alimentos podem reduzir sensivelmente o conteúdo de gordura.

Segue abaixo algumas dicas:

– Substitua o leite integral pelo semi-desnatado ou o desnatado. O mesmo vale para os iogurtes.
– Alguns alimentos como chocolate, achocolatados, doces em geral, preparações como creme de leite e leite condensado devem ser evitados. Desta forma, as sobremesas e os docinhos podem ser deixados de lado.
– Os queijos amarelos podem ser substituídos pelos queijos brancos como, por exemplo, queijo minas, ricota, cottage. Outra opção é o requeijão light e o cream cheese.
– Evite alimentos embutidos como salsicha, lingüiça, mortadela, salame, salaminho, presunto, apresuntado. Prefira, então, o consumo de blanquet de peru.
– Carnes de porco também devem ser evitados, pois, além de conter enormes quantidades de gordura, esta é de baixa qualidade nutricional.
– As carnes vermelhas devem ter a gordura aparente retirada, enquanto a pele das aves também deve ser excluída para tirar o excesso de gordura contida nestes alimentos.

Seu organismo agradece.